Colaboradores desempenham melhor as funções que têm a ver com seu perfil e isso reflete muito na produtividade da organização. Já se atentou a isso? Entenda mais sobre a importância da análise de perfil comportamental! Colaboradores desempenham melhor as funções que têm a ver com seu perfil e isso reflete muito na produtividade da organização. Já se atentou a isso? Entenda mais sobre a importância da análise de perfil comportamental!

Saiba quais são os principais benefícios da análise de perfil comportamental!

6 minutos para ler

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Como é a relação da sua empresa, incluindo a dos seus líderes, sobre a forma de lidar com as diferentes personalidades de pessoas que existem internamente? Já parou para pensar como entender as características individuais por meio da análise de perfil comportamental pode elevar o potencial da organização?

Sim! Como profissional de Recursos Humanos, certamente, você já sabe que no ambiente de trabalho as pessoas também são regidas pelas emoções e isso influencia no comportamento diário. Para o sucesso de todos, cabe à gestão entender isso e tirar o melhor proveito das habilidades de cada um.

Neste artigo, vamos abordar quais são os perfis comportamentais, por que eles precisam ser identificados e quais benefícios o processo de análise oferece à empresa. Você não vai perder, certo? Acompanhe!

Os 4 tipos de perfis comportamentais de acordo com a metodologia DISC

Perfil comportamental é o que é predominante no jeito de ser de cada indivíduo. Uns são mais cautelosos, outros agem mais com a emoção; existem os mais reservados, assim como há os que se comunicam bem e gostam de manter boas relações. Ou seja, cada um tem seus traços dominantes.

Exatamente por entender que as pessoas têm reações diferentes — e isso leva em conta a sua personalidade, sua educação e as circunstâncias da vida — que na década de XX, o PhD em Psicologia de Harvard, William Marston, tornou conhecida a Metodologia DISC, que é baseada em quatro características predominantes nos indivíduos:

  1. Dominance (Dominância);
  2. Influence (Influência);
  3. Steadiness (Estabilidade);
  4. Conscientiousness (Cautela).

Os estudos de Marston foram determinantes para que outros estudiosos traçassem metodologias para mapear os perfis comportamentais e hoje elas são muito conhecidas e utilizadas por psicólogos e profissionais de Recursos Humanos.

Essas metodologias são aplicadas em diversas situações da vida das pessoas, mas principalmente com foco profissional, como para avaliação da performance dos colaboradores, para designação correta de atividades e nos processos de recrutamento e seleção.

Com a evolução dos estudos, os testes foram se aperfeiçoando e uma tradução desses perfis foi feita no Brasil, de forma que os termos ficassem mais adequados para identificar seus traços dominantes.

A seguir, veja como ficaram as nomenclaturas e definições dos perfis segundo o DISC!

Executor

O executor, como o nome já define, é uma pessoa que gosta de estar sempre em ação, executando alguma atividade. Aprecia ver os resultados do seu trabalho de maneira rápida. Tem a proatividade como uma qualidade, é atraído por desafios e tem a dominância como forte característica.

Comunicador

O comunicador tem a influência como traço marcante. Valoriza muito a conexão com outras pessoas e, geralmente, é aquele perfil que conversa ou é conhecido de todo mundo. É muito mais voltado para as pessoas do que para os processos em si. São bons líderes devido ao poder de persuasão e de inspiração.

Powered by Rock Convert

Analista

Pessoas analistas priorizam pela qualidade acima de tudo; são bastante metódicos, estáveis e detalhistas. Por esses motivos, podem ser mais lentos do que os outros perfis, pois valoriza muito cada processo da atividade para que tudo saia bem-feito. Também é bastante técnico, concentrado e gosta de processos estruturado.

Planejador

Uma pessoa planejadora precisa ter um plano antes de executar suas atividades e isso a torna mais equilibrada e cautelosa. É um perfil muito apto para lidar ou traçar estratégias. Tem um ponto em comum com o comunicador, pois tem facilidade no relacionamento interpessoal.

Apesar das características dominantes, vale ressaltar que todas as pessoas têm alguns traços de outros perfis, ou seja, ninguém é só comunicador ou só planejador, por exemplo. Uma mesma pessoa pode reunir particularidades — menos intensas — de outros perfis, sendo que é comum ter características predominantes de um ou dois tipos.

Vantagens da análise de perfil comportamental para a empresa

Percebeu como as pessoas têm características tão distintas umas das outras? Então, elas não devem ser tratadas de maneiras iguais, concorda? Identificar o perfil comportamental de cada um é um processo que traz tanto vantagens para o colaborador quanto para a organização, que conseguirá promover uma melhor gestão de pessoas. Veja os benefícios!

Auxilia no processo de recrutamento e seleção

O mapeamento adquirido com a análise comportamental é essencial para identificar o candidato ideal para uma vaga e designar os profissionais de forma adequada. Exemplo disso é quando a empresa está procurando um líder que precisará lidar diretamente com as pessoas e tem entre os seus candidatos pessoas ruins de comunicação.

É por isso que, nesses casos, tão importante quanto a escolha do perfil correto é o conhecimento profundo das necessidades de cada cargo e atividade desenvolvida na empresa. Para isso, o RH deve estar bem alinhado com os líderes de setor. Assim, o processo terá mais chances de ter sucesso.

Evita perdas financeiras

Nem sempre é preciso demitir o colaborador por ter feito a contratação errada para aquele cargo. Em muitas situações, determinada função pode não ser a ideal para o perfil desse profissional, mas dentro da organização podem haver outras atividades que ele faça com eficiência e poderá ser remanejado.

Pense nas possibilidades de identificar e aproveitar os verdadeiros talentos desse funcionário em outras funções. Isso evita o custo com acertos e indenizações comuns do processo de desligamento. Dessa forma, tanto a empresa quanto o profissional só têm a ganhar.

Promove o autoconhecimento entre os colaboradores

Um profissional que se conhece bem tem muito mais chances de saber quais atividades poderá executar da melhor maneira e quais são seus pontos fortes e fracos. Desse modo, ao identificar as lacunas que o impedem de crescer na empresa, ele poderá investir na melhoria dessas habilidades e entender de quais formas isso poderá ser feito.

Contribui para um bom clima organizacional

Colaboradores que estão devidamente alocados e desempenham funções adequadas ao seu perfil tendem estar mais satisfeitos, ser mais ativos, engajados e motivados com o trabalho. Isso é um fator determinante para garantir um bom clima organizacional na empresa.

Ter um bom ambiente de trabalho, funcionários satisfeitos e, por consequência, mais produtivos, são vantagens para a companhia que entende a importância da análise de perfil comportamental e coloca isso em prática. Não hesite em investir nesse processo e veja como ele ajudará a elevar o potencial dos seus colaboradores e da empresa!

Gostou de entender a importância de analisar os perfis existentes no seu time e quer conferir outras dicas como estas? Assine a nossa newsletter e fique por dentro de assuntos importantes para desenvolver o seu RH!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário