Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Os profissionais de RH enfrentam diversas missões e responsabilidades durante o dia de trabalho e uma delas está relacionada com a saúde ocupacional. Esse elemento é imprescindível e não pode ser deixado de lado pelas empresas, pois, além de ser essencial nos exames de admissão e demissão, contribui com o bem-estar e a segurança dos colaboradores.

Aplicar boas práticas de saúde ocupacional será positivo para ter um ambiente mais saudável e produtivo e evitar o absenteísmo. Além disso, há outras vantagens para o negócio como veremos no decorrer do texto. Quer saber mais? Então, continue a leitura!

O que é saúde ocupacional?

A saúde ocupacional tem como objetivo assegurar boas condições de trabalho à equipe, incluindo aspectos físicos e mentais. O tema, inclusive, está presente na Constituição Federal (art. 7 inc. XXII), que esclarece que normas de saúde, segurança e higiene devem ser aplicadas para reduzir os riscos da atividade profissional.

A estratégia, geralmente, fica sob responsabilidade do setor de RH que deve implementar, acompanhar e fiscalizar o andamento da saúde ocupacional na empresa, garantindo um ambiente saudável e que agregue conforto e qualidade de vida aos colaboradores.

Quais são os benefícios da saúde ocupacional?

Independentemente do porte ou do ramo de atuação, é importante que as companhias invistam em saúde ocupacional, evitando doenças, faltas, entre outras complicações.

A estratégia pode ser aplicada de diferentes formas e agrega benefícios como:

  • bem-estar e qualidade de vida;
  • contribuição com a saúde física e mental dos trabalhadores;
  • melhora do clima organizacional;
  • aumento da motivação e do engajamento da equipe;
  • minimização de atrasos e faltas por doenças;
  • impedimento de multas e processos trabalhistas.

Como promovê-la no ambiente corporativo?

A saúde ocupacional deve ser vista como um conjunto de estratégias que tornam o ambiente corporativo mais saudável e seguro. Isso pode ser feito com mudanças no espaço físico, ações com os colaboradores, entre outras medidas. Veja abaixo alguns exemplos.

Ergonomia

A ergonomia é responsável por tornar o espaço de trabalho adequado e é elemento essencial quando se fala em saúde ocupacional.

Ela consegue garantir conforto no ambiente e evitar doenças por esforço ou movimentos repetitivos, tais como problemas na coluna devido à má postura de colaboradores que passam horas sentados ou em profissionais que carregam peso de forma incorreta, por exemplo.

Há uma norma regulamentadora da ergonomia, a NR17, ela esclarece que os empregadores devem fazer uma análise ergonômica do local de trabalho e aplicar os procedimentos adequados de acordo com as atividades desenvolvidas.

A ergonomia pode estar presente nos mobiliários, em programas para conscientização e prevenção, treinamentos etc.

Ginástica laboral

Outra forma de promover a saúde ocupacional na empresa é investir em ginástica laboral. A atividade incentiva o alongamento e é uma forma de prevenção para lesões e dores musculares.

O procedimento é feito ao longo da jornada de trabalho e pode ser realizado de forma individual ou em grupo e, em alguns casos, ainda conta com a orientação de um profissional especializado.

É importante criar ações de comunicação para incentivar a participação dos colaboradores, pois essa pequena pausa nas atividades será positiva para alongar e fortalecer o corpo, além de aumentar a sensação de bem-estar e a disposição para as tarefas.

Campanhas de saúde

A empresa também pode contribuir com a qualidade de vida e a saúde dos colaboradores ao planejar campanhas para o cuidado com o corpo. É possível realizar ações para vacinação contra a gripe, medidas que incentivem a alimentação saudável, ações para prevenção contra o tabagismo e a obesidade, entre outras.

A estratégia pode envolver ferramentas de comunicação, tais como cartazes, banners e comunicados na intranet, eventos, oficinas e palestras.

Ao investir em estratégias de saúde ocupacional para manter um ambiente seguro e saudável e promover o cuidado com a saúde, todos sairão ganhando. Por isso, procure se aprofundar no assunto e adotar as medidas adequadas de acordo com as características da empresa.

Gostou do texto? Quer mais dicas sobre RH? Então, assine gratuitamente a nossa newsletter para receber as próximas publicações!

Fale com um consultorPowered by Rock Convert
Solicite um orçamento de vale transportePowered by Rock Convert